Revolução tecnológica dentro da indústria

A indústria brasileira assim como a mundial tem passado por diversas mudanças e revoluções por conta do avanço tecnológico.

Começando a operar quando ocorreu a revolução industrial na Inglaterra e desde então tem passado por diversas modificações.

Existem alguns modelos e metodologias aplicadas na indústria que atuam de forma mais recente, assim como o uso de equipamentos e materiais que incorporem tecnologia e inovação em seus processos.

Por conta disso, esse artigo vai abordar sobre a revolução tecnológica dentro da indústria e seus principais aspectos e áreas de atuação.

Você já ouviu falar em indústria 4.0? Conheça a indústria mais inteligente!

A indústria 4.0, também conhecida como a revolução industrial 4.0 é uma expressão responsável por sintetizar diversos processos tecnológicos que podem ocorrer dentro da indústria.

Esse tipo de sistema versa sobre a troca de dados e informações, assim como a sua disponibilização na rede (em formato de nuvem e que pode ser acessado em diversos dispositivos móveis).

Além disso, sistemas de computação, movidos por ações físicas e do próprio uso da internet, revolucionaram a forma como os processos são realizados. Isso permite incorporar muito mais precisão e assertividade tanto aos investimentos, como processos.

Com isso, a indústria está cada vez mais inteligentes, pois:

  • Suas estruturas são mais modulares;
  • Seus processos físicos são monitorados com precisão;
  • As decisões acontecem de forma descentralizada;
  • Não é necessário estar presente fisicamente;
  • Serviços internos são resolvidos mais rápidos;
  • O tempo e investimento são otimizados;
  • O produto tem agregação em seu valor;
  • O produto possui mais qualidade e precisão técnica;
  • Ocorrem menos desperdícios.

Além disso, esse avanço tecnológico permite que o sistema seja gerenciado mais facilmente, por conta da sua monitoria em tempo real e ações automatizadas.

As empresas de automação industrial têm obtido um grande destaque e diferencial no mercado, por robotizarem as peças e tornarem os processos mais precisos.

Além disso, com o procedimento de manutenção, ações que seriam muito difíceis de realizar, tornam-se acessíveis por serem realizadas por máquinas.

Além disso, esse sistema é inteligente e programado, podendo criar novas plantas virtuais, simular situações emergenciais e de gerenciamento, programar sensores ou instrumentos de medição, adotar medidas de segurança de forma mais inteligente, dentre outros aspectos.

Ou seja, os serviços conseguem ser orientados de forma mais fácil e a segurança vai além da proteção das máquinas e funcionários.

Com a automatização, documentos podem ser preservados, rastreados e até mesmo codificados, para que nenhum procedimento passe despercebido.

Os custos também reduzem porque as máquinas possuem sistemas de autorregulação que são bastante inteligentes, além de sistemas de reposição.

De modo geral, esse sistema tem atuado com o manuseio de cargas pesadas, o trabalho com elementos que possuem altas temperaturas, técnicas de corte e precisão, dentre outros. Falando sobre avanços tecnológicos, confira mais detalhes abaixo.

Revolução: tecnologia para novos aparelhos

Já que estamos citando sobre a tecnologia e sua importância, vale a pena citar sobre os procedimentos de montagem dentro da indústria, no que se refere ao seu sistema elétrico.

Um dos grandes desafios, com o avanço tecnológico, é proporcionar uma otimização dos recursos naturais, evitando seu desperdício e uma perda ambiental.

É por isso que a energia solar fotovoltaica industrial tem sido uma importante estratégia para as empresas que desejam economizar na conta de luz e ao mesmo tempo garantir a preservação ambiental e sustentabilidade.

Esse tipo de energia é elétrica e é produzida a partir da luz do sol, sendo totalmente limpa e sustentável. Placas de LED são instaladas no telhado e por meio delas é possível captar os raios solares e transformá-los.

Com isso, a indústria consegue fazer uma ação ambiental e ainda promover o seu nome diante dos clientes.

É importante que a indústria conte também com elementos de segurança, como é o caso dos geradores, que são ativados no caso de uma pane de energia, e que os mesmos recebam um banco de carga para geradores.

Isso é importante por deixá-los sempre prontos e prevenir situações desagradáveis que possam interromper o aspecto produtivo e afetar o desenvolvimento industrial, de modo geral.

Outro aspecto bastante importante quanto à indústria e ao uso dos geradores é realizar a manutenção de geradores a diesel, de forma preventiva, com o objetivo de realizar reparos de forma eficiente e reduzir os custos, otimizando os processos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *