Processos de automação industrial: o que vem a ser?

A indústria é um importante setor para um país conseguir firmar o seu desenvolvimento econômico, e em muitos casos é o setor principal por realizar a ascensão econômica de alguns países.

O que nós temos hoje como produto em sua grande parte originou-se dentro de uma indústria, em determinado tipo de processo industrial.

Uma das coisas que pensamos quando falamos em processo industrial são as grandes linhas de produção, porém, muita coisa é produzida em pequenas indústria.

Mas, para facilitar e otimizar a produção e com a demanda de tecnologia cada vez mais crescente, temos o nascimento de um processo bastante importante que é a automação industrial, feito por empresas de automação industrial SP no Brasil e no mundo.

Esse artigo falará sobre os processos de automação industrial, o que vem a ser esse processo, quais são seus tipos e porque de apostar nesse tipo de modernização.

O que é a automação industrial?

Automação significa automatizar algum tipo de processo por meio de uma programação de computador. Essa automação permite que os processos produtivos sejam feitos de formas mais adequadas.

Para elucidarmos a ideia de automação podemos pensar no funcionamento dos metrôs, e dentro dos vagões há uma série de sistemas que funcionam sem a supervisão e alguém, alguns exemplos são:

  • Anunciamento da próxima estação;
  • Ar condicionado;
  • Diminuição e aumento da velocidade;
  • Fechamento e abertura das portas.

Tudo isso faz parte da automação. E para que isso ocorra dentro de uma indústria é preciso contratar empresa de montagem industrial em sp.

Apesar de darmos um exemplo ainda é possível fazer uma pequena confusão entre automação e mecanização.

Automação versus mecanização

Automação e mecanização apesar de parecerem iguais, o significado é diversificado. A automação industrial está ligada a questão de máquinas controladas automaticamente, de modo que periodicamente é preciso fazer a manutenção de servo motor e outros elementos.

Já a mecanização é o emprego de uma máquina para efetuar uma tarefa para substituir o esforço físico, um exemplo disso é apertar parafuso.

Tipos de automação industrial

Para que todos os elementos funcionem em uma ordem pré determina é preciso fazer uma automação industrial, que em todos os processos é feito por um técnico em automação industrial.

Assim, existem diversos tipos de automação, das mais simples, até as mais complexas. Vemos alguns desses tipos sendo elas: automação fixa; automação programável e automação versátil.

Automação fixa

A automação fixa recebe esse nome, porque a configuração da automação ocorre apenas uma vez e depois não pode ser mais mudada. Dessa forma esse tipo de automação ocorre um planejamento bastante minucioso.

Assim é preciso fazer uma composição durável, dessa forma, requer investimento maior nos equipamentos como motor de passo arduino e assim por diante. Por isso, é preciso que o projeto tenha sempre apoio de técnicos e engenheiros.

A aplicação desse tipo de automação está atrelado há grandes linhas de produção e que exigem bastante padronização. Como é fixa não há necessidade ou previsão para readequar as peças.

Automação programável

Diferentemente da automação fixa a programável tem um pouco mais de versatilidade, e é um tipo de solução mais avançadas e para setores industriais diferentes.

Toda a programação é feita por software que pode ser alterada. É ideal para empresas que trabalham em lotes e que não exigem tanta padronização como a automação fixa.

Automação flexível

Esse tipo de automação é a mais flexível, pois é uma proposta híbrida em que combina as duas anteriores. Esse tipo de escolha é ideal para indústrias que fazem diversos produtos e desejam um resultado melhor.

Esse tipo de automação conta com uma central de controle, e a linha de produção é ajustada de forma programável. É importante lembrar que toda a automação para funcionar bem precisa de uma manutenção industrial adequado.

Assim, os diferentes tipos de automação existem para que então a alternativa escolhida seja aquela que se enquadra em todas as necessidades dos empreendimentos.

Dessa forma, uma indústria eficiente é aquela que possui um sistema de automação adequado, pois com ele é preciso ter uma maior produtividade, além de ter um maior controle de todos os processos vividos.

Assim, todos os sentidos da indústria são afetados pela automação, pois consegue otimizar tempo e aumentar os lucros de forma efetiva e grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *