Funcionamento das engrenagens

Sabemos que o mundo da indústria é muito amplo, e para que seja possível funcionar como vemos hoje, é uma tarefa muito complicada, que demanda diversos tipos de profissionais, ferramentas e serviços.

Ou seja, são muitos elementos que estão dentro desse segmento e cada um deles possui uma enorme importância para que o trabalho possa continuar sempre e a indústria consiga continuar a produzir.

E neste texto falaremos sobre a fabricação de engrenagens e a importância delas para todo esse meio, e o que seria da indústria se não fossem esses materiais tão dinâmicos e totalmente necessários.

Então, se você quer saber mais sobre o que são engrenagens, como elas são feitas e principalmente sua importância, acompanhe este texto, pois é o que iremos abordar.

O que são engrenagens Engrenagens?

Primeiramente falaremos sobre as engrenagens, e após isso, sobre alguns elementos que acompanham todo esse funcionamento para que ele seja possível e claro, muito útil para ser explorado.

As engrenagens em si são peças importantes para o meio industrial e estão no meio do funcionamento de variados tipos de máquinas que atuam nas fábricas. Elas trabalham basicamente em pares, possuem dentes com encaixes e assim operam.

Há muito tipos de engrenagens, e as mais conhecidas são as engrenagens helicoidais e bi helicoidais, as quais iremos falar um pouco mais sobre ao longo deste texto, para melhor entendimento.

A engrenagem helicoidal possui dentes posicionados de forma transversal, o que é basicamente o formato de hélice. Ela é usada para fazer uma transmissão fixa e em altas rotações.

Isso porque o trabalho que esse modelo proporciona é silencioso por causa de seus dentes que são axiais de força. Além disso, ainda não compensados por um mancal ou um rolamento por causa da mesma força.

Enfim, a helicoidal está presente sempre em casos que necessitam de transmissão entre eixos paralelos e eixos angulares entre si, sempre entre 60 e 90 graus. Ela gira sempre de forma suave e silenciosa.

Já a engrenagem bi helicoidal, conhecida também como espinha de peixe, é usada em pressurizações e atomizações de óleos pesados na hora de alimentação de diversos maquinários como:

  • Fornos;
  • Caldeiras;
  • Queimadores a pressão;
  • Grandes equipamentos.

Sua função é fazer o trabalho de um helicoidal, porém com mais resistência, baixo ruído e em dobro, pois seu corpo é duplicado. Ela reduz a velocidade e transmite potência para os aparelhos em que é utilizada.

Ela possui dentes dispostos na diagonal, como se fossem hélices, isso sempre em referência ao eixo. E, quando eles se juntam na hora em que está funcionando, elas começam a se acoplar para fazer o sistema girar.

Esferas de aço

Um elemento que está sempre aliado às engrenagens são as esferas de aço inox, que são elementos redondos feitos em carbono, inox ou cromo e podem dispor de diversos tamanhos e medidas.

As mais vendidas têm 6mm e possuem um ótimo nível de dureza, uma grande precisão e são utilizadas em diversos locais como em carros, reguladores de pressão, engrenagens, bombas de combustível, entre muitos outros locais.

A esfera de aço 6mm costuma ser usada em ambientes mais agressivos, ou que necessitem de mais resistência nos mais altos níveis, justamente por conta do que irá presenciar e trabalhar em cima.

Enfim elas são ótimas e possuem uma grande força, seja para o que for. Desde tiros esportivos até para o funcionamento de engrenagens, ela é útil, e como podemos ver, muito versátil, principalmente a de aço inox que tem um ótimo custo-benefício.

Eixo

E para finalizar iremos falar sobre o eixo sem fimque é uma peça muito usada para realizar transmissões mecânicas. Ele é feito em máquinas fresadoras e muito utilizado no ambiente industrial.

Uma de suas maiores funções é fazer uma ligação entre partes diferenciadas de um elemento mecânico para que ele possa ter o seu funcionamento, assim como as engrenagens, que devem sempre ser interligadas para poder funcionar.

Esse eixo permite e realiza também, de certa forma, a movimentação dessas peças, fazendo com que seja mais fácil ter a condução do movimento, que é feita a partir da engrenagem que garante sempre que a coroa seja impulsionada.

Enfim, esses são os funcionamentos de uma engrenagem e todos os elementos que a compõem nesse processo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *